A experiência do cliente no varejo se tornou um diferencial competitivo. Em um mundo no qual diversas empresas vendem os mesmos produtos, com as mesmas marcas, a experiência que o seu estabelecimento oferece para o cliente na hora da compra pode ser o seu “algo a mais”.

E oferecer uma boa experiência realmente funciona. Um exemplo clássico é o da Uber, em que o cliente é solicitado a avaliar o motorista anterior antes de pedir a próxima viagem. Isso confere maior credibilidade e confiança, e também oferece um importante feedback para a empresa. Quem oferece a melhor experiência está sempre no topo da lista e, consequentemente, ganha mais dinheiro.

Com as lojas de varejo acontece da mesma forma e para garantir que o seu negócio ofereça esse bônus aos consumidores, existem algumas mudanças que precisam ser feitas. Veja abaixo as dicas que preparamos sobre o assunto para alavancar a sua loja!

Como melhorar a experiência do cliente no varejo

1. Escute o cliente com atenção

Como você oferecerá o que o seu cliente precisa se não consegue escutá-lo? Então, qualquer oportunidade que tiver para ouvi-lo, aproveite e mostre que cada palavra que ele diz é importante para você.

Isso facilitará e muito o seu trabalho, pois ouvindo as necessidades dos consumidores fica muito mais simples compreender o que eles desejam e oferecer isso. Não espere que o cliente vá até você, mas crie opções para entrar em contato com ele: ligue, passe um e-mail ou mande uma mensagem de texto de forma sutil e sempre peça permissão antes.

2. Treine a sua equipe

Todas as pessoas da sua equipe devem saber, exatamente, como tratar um determinado cliente, e ter a sensibilidade suficiente para perceber o tom de voz e o jeito de ser de cada um para que a comunicação melhore. Por exemplo, um cliente pode ser mais calado e isso sugere que você também fale apenas o suficiente.

Ofereça treinamentos constantes sobre atendimento ao cliente para os seus funcionários, principalmente os da linha de frente, que estão sempre em contato com os consumidores. Quanto melhor o atendimento, maiores serão as vendas.

3. Cuide do ambiente

Em um dia quente, ninguém quer ficar dentro de uma loja escura e abafada. O seu estabelecimento deve oferecer o máximo de conforto para aqueles que entram. A sua loja deve ser o lugar onde eles se sintam em casa e bem tratados, afinal de contas, sem os clientes o seu negócio simplesmente não existiria, então, trate-os muito bem.

Cuide do som do local e especialmente do volume. Um som muito alto pode dificultar a conversa do cliente com o atendente e deixar a situação irritante. Portanto, é melhor deixar um som mais suave, apenas de fundo para que todos possam conversar sem obstáculos.

Instale um climatizador, como um ar-condicionado em locais mais quentes e também um aquecedor caso a sua loja fique em uma cidade onde as temperaturas fiquem muito baixas. Esteja sempre de olho na sensação térmica, pois um clima ruim pode espantar a todos.

4. Facilite a forma de pagamento

Quanto mais formas de pagamento você conseguir oferecer, maiores as chances do cliente comprar, e maiores também serão os valores. Tenha máquinas de cartão que aceitem a maioria das bandeiras, mesmo aquelas não tão comuns, dê opções, como boleto para os clientes mais antigos ou crediário. Isso facilita para aquelas pessoas que não podem comprar em determinadas datas do mês.

Além de melhorar a experiência do cliente no varejo, existem outras formas de aumentar o faturamento da sua loja. Veja quais são!